A consciência do empreendedorismo em RH

Janeiro de 2017, você profissional da área de Recursos Humanos já se perguntou como podemos aprimorar nossas funções, melhorar os processos da nossa área, mudar a visão que se tem sobre Recursos Humanos, ou mesmo encontrar outras habilidades que nunca imaginamos ou pensamos em ter? Pois bem, me fiz o mesmo questionamento há quase completos dois anos em que comecei minha trajetória pelo mundo do RH.

Talvez você possa ter se perguntado por que minhas primeiras palavras nesse texto se referem a “janeiro de 2017” e é por aí que eu gostaria de começar a construir este artigo com você leitor. Vivemos o tempo digital, da conexão, da rápida troca de informação, onde a internet, conteúdos onlines, ferramentas digitais de negócios, redes sociais, entre outros têm mudado o comportamento e perfil das pessoas e das empresas.

Se adaptar a essa nova realidade, não sendo extremo de minha parte, é necessário e fundamental para qualquer profissional de qualquer nível hierárquico e tão quão importante para se enquadrar nessa nova visão de sociedade e negócios. Obviamente as gerações mais novas, a exemplo da geração Y, por já terem nascido vivenciando essas mudanças possuem mais facilidade de adaptação do que as gerações mais antigas, embora ao meu ver as diferenças entre gerações não sejam um impeditivo para qualquer pessoa de qualquer geração buscar se adaptar as mudanças atuais.

Agora, algo que é parte intrínseca de todas essas mudanças que estamos vivenciando e de tantas outras que já passaram, que sempre caminhou em silêncio e sem muito alarde, mas que sem ela praticamente todas as mudanças e transformações não se concretizariam e que nos últimos anos vem ganhando grande destaque e brilho é o que costumamos ouvir chamar de empreendedorismo.

O empreendedorismo, que em suma é o processo de ideias e inovação para criação de uma empresa, produto ou um novo serviço, ganha muito destaque na área de tecnologia onde é mais fácil de se observar as mudanças. E no RH? É raro ouvir falar sobre empreendedorismo na área de Recursos Humanos não é mesmo? Acredito que esse novo momento digital que vivemos, com as áreas das empresas cada vez mais interconectadas, profissionais multitarefa, em geral um mundo mais conectado e dinâmico, abre muitas portas para que nós profissionais de Recursos Humanos possamos estimular mais essa consciência de empreender.

Seja você funcionário ou empregador na área de RH esta é a hora de se pensar na mudança, a hora de fazer a diferença. Sabemos que muitas vezes a hierarquia em uma empresa, políticas e normas podem nos restringir ou se tornar um impeditivo para pensarmos nessa consciência de empreender, mas aí te lanço algumas perguntas para sua reflexão: Você acha que empreender é só para o gestor? Como você acha que grandes nomes do mundo empresarial fizeram a diferença e se tornaram pessoas renomadas? ... Atitude? Coragem? Percepção das mudanças do ambiente? ...

Faça seu Comentário

*Nossa equipe avaliará seu comentário e poderá retirá-lo do site sem nenhum aviso prévio